Secretaria Municipal de Saúde

Registros de vacinação podem ser feitos na internet e acessados em qualquer cidade do país

Araucária está aderindo neste mês ao Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SIPNI) e os registros de vacinas tomadas nas unidades básicas de saúde da cidade passam a integrar o banco de dados nacional já no momento da imunização, por meio do preenchimento de um formulário em um site do Ministério da Saúde.

Com isso, o histórico de cada paciente pode ser acessado em outros municípios, facilitando o controle das vacinas já ministradas e a verificação de quais estão em atraso. Se o paciente está sem a carteirinha física, mediante a apresentação de um documento de identidade e do cartão nacional de saúde, não é necessário preencher um novo cadastro, basta que o sistema puxe o histórico do paciente. Os registros realizados a partir de 2014 já migraram automaticamente para o novo banco de dados.

De acordo com a técnica de enfermagem Anny Louise S. F. Jaleski, a mudança ajuda a tornar o atendimento mais ágil já que não é necessário fazer duas vezes a ficha do paciente (a primeira no momento do atendimento e outra quando as informações eram lançadas no sistema). Além disso, a profissional comenta que as informações do sistema são sigilosas e apenas os profissionais de saúde com login tem acesso às informações.

A primeira unidade de saúde de Araucária a implantar o sistema foi a do Centro Social Urbano (CSU), no dia 05 desse mês. De acordo com as equipes do local, os profissionais ainda estão se adaptando ao novo formato após treinamento com técnicos da Vigilância Epidemiológica. A maior parte das unidades já migraram para o novo sistema e as próximas a aderirem serão os postos de saúde do Vila Angélica e Padre Chico, Tietê, Lagoa, Fazendinha e Colônia Cristina.

As unidades que não estejam com internet (por ser área rural ou quando por algum motivo haja interrupções da transmissão) registram as informações em formulário impresso e realizam o lançamento no sistema semanalmente, garantindo assim o partilhamento das informações em outras unidades e serviços de saúde.

Data da Publicacão: 13/07/2017