Secretaria Municipal de Saúde

Campanha de Vacinação contra a Influenza (gripe) será de 23/04 a 01/06

Conforme orientação do Ministério da Saúde (MS), Araucária inicia a Campanha de Vacinação contra o vírus influenza (gripe) no próximo dia 23 de abril para os grupos determinados. A vacina estará disponível em todas as Unidades Básicas (UBS) e Estratégias de Saúde da Família (ESF) do município. O objetivo da campanha de vacinação é diminuir o número de complicações (internações) e óbitos dos grupos prioritários.

Devem ser vacinados: crianças de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias de idade; gestantes; puérperas (mulheres que deram à luz há menos de 45 dias); idosos (acima de 60 anos); profissionais de saúde, professores da rede pública ou privada (com atividade em sala de aula), pessoas com doenças crônicas (comorbidades – conforme lista do MS), povos indígenas e pessoas privadas de liberdade (bem como funcionários do sistema carcerário). A meta estipulada é vacinar 90% das pessoas desses grupos.

É importante destacar que a dose da campanha sempre visa garantir imunização para alguns dos principais vírus que estão circulando e ameaçam a saúde das pessoas. A vacina oferecida neste ano pelo Sistema Único de Saúde é voltada para combater o influenza H1N1, H3N2, e o influenza B (linhagem Yamagata). Como em campanhas anteriores, nesta também haverá o 'Dia D', um dia de sábado (12 de maio) na qual unidades de saúde abrirão especificamente para realizar vacinação. Mais detalhes sobre o Dia D serão divulgados em breve. 

Informação correta – A informação correta é uma arma importante para salvar vidas. É preciso esclarecer que a vacina NÃO é capaz de fazer desenvolver a gripe porque é feita com o vírus morto. Outra questão que merece destaque é que a vacina contra influenza realiza a proteção relacionada a alguns dos principais vírus que estão circulando e contidos na vacina anual. Há outros vírus circulando que não contam com vacinação.

A vacina contra o vírus influenza NÃO é indicada a pessoas com histórico de reação alérgica à vacinas anteriores ou com alergia grave a ovo de galinha e derivados. A vacinação pode ocorrer na mesma ocasião de outras vacinas ou medicamentos; com exceção de quem tomou vacina contra a dengue (ofertada em alguns municípios onde houve surto de dengue) e faz-se necessário aguardar 30 dias de intervalo. Pessoas doadoras de sangue devem esperar pelo menos 48 horas após a vacinação contra a gripe para realizar doação. 

Em caso de dúvida, os moradores podem procurar os profissionais da unidade básica de saúde mais próxima da residência. 

Data da Publicacão: 18/04/2018